.comment-link {margin-left:.6em;}

Cinecasulofilia

0 - fuja! * - razoável ** - bom *** - muito bom, recomendado **** - obra-prima!

quarta-feira, dezembro 28, 2005

CARA DE PAU

Inacreditável a cara de pau do "jornalista" TT Catalão, que resolveu escrever sobre a premiação de 16mm no Festival de Brasília, premiando a dobradinha local O Poeta e o Capitão (ele errou o título, trocando as bolas) e Macacos Me Mordam. Não se iludam pelo texto: o filme é abominavelmente ruim. Será que se ambos os filmes não fossem da cidade local, o glorioso jornalista, membro do júri, acharia o mesmo?


"Decidimos dar Menção Honrosa ao O Capitão e o Poeta de Jorge Oliveira, por justiça e relevância histórica que foi relembrar o discurso de Neruda no estádio do Pacaembu em homenagem ao líder comunista Luiz Carlos Prestes recém libertado da cadeia de Vargas. Merecido também pela competência técnica que foi a boa resolução de uma tarefa visual árdua ao colocar um discurso na tela. Destaque para a emocionada interpretação do texto na voz de Hugo Rodas.

No vencedor Macacos me Mordam, o grupo brasiliense é especialmente mordaz e anárquico com a própria postura pretensiosa de artistas que vivem a pose oca e caricata da “importância genial da minha obra”. O grande sarro está em um clip inserido no filme pelo personagem penetra Cebola (ator Fernando Booyu) que consiste num cara rolando um pneu velho pelas avenidas de Brasília e a emblemática frase: “emborrachados por fora e vazios por dentro – isso tem a ver com a sua vida?”.

O macaco (em desenho animado) surgiu num circo de ervas daninhas do Cruzeiro Velho e foge para a Água Mineral, o curta é “making off” de um filme “Tocatta e Fuga” que não existe, o diretor confessa que o objetivo final da obra “é ver se come alguém”, o clipe faz visual para música inexistente, o diretor perde o controle do final, o figurante invade a montagem, enfim, macacos nos mordam. Sem assoprar. Mordam sem amordaçar.

A Brasília oficial está nessa: ou pneu vazio por dentro e emborrachado por fora ou puro Pinel rolando na solidão dos exus monumentais.

TT Catalão é jornalista"
(N.E deste blog.: e acrescento: piadista nas horas vagas)

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home